Verger-Bastide: Dimensões de uma amizade

verger-bastide.jpg 

Descobrir as dimensões dessas buscas permanentes,trocas constantes,fincadas numa amizade sólida de profundo respeito recíproco,é o propósito deste livro,cujo fio condutor é a viagem de Bastide à África em 1958,período em que acompanhou Verger a lugares que,quando visitados,causaram-lhes um profundo impacto e vieram a se transformar em trabalhos e textos a quatro mãos.

Livro de Pierre Verger

Editora: Bertrand

R$ 35,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:31 pm  Deixe um comentário  

A Casa da Água(Alma da África vol.1)

casa-da-agua.jpg 

A Casa da Água, de Antonio Olinto, publicado originalmente em 1969, oferece ao leitor uma viagem por diferentes terras, culturas e tradições, saindo da América do Sul em direção à África. É no percurso por esses diferentes ambientes que Mariana, neta de Catarina, enfrenta a passagem da infância para a adolescência, em uma transição em que se misturam as brincadeiras da menina com os sonhos de mulher.
A Casa da Água, primeiro volume da trilogia Alma da África, de Antonio Olinto, é uma leitura fundamental para quem deseja conhecer e desvendar a riqueza de outras culturas. A série, que já foi traduzida para dezenove idiomas e teve mais de trinta edições fora do Brasil, prossegue com os romances o Rei de Keto e Trono de Vidro, que também estão sendo relançados pela Editora Bertrand Brasil.

Livro de Antonio Olinto

Editora Bertrand

R$ 49,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:28 pm  Deixe um comentário  

O Trono de Vidro(Alma da África 3)

tono.jpg

Neste terceiro volume da série Alma da África, Antonio Olinto centra-se na história da jovem Mariana, neta da velha Mariana, a brasileira protagonista de A Casa da Água, primeiro volume da trilogia. Em Trono de Vidro, a menina, que tem 25 anos, é acometida constantemente por lembranças do pai morto em 1968, o ex-presidente Sebastian Silva, e deseja, por motivações políticas, retornar a Zorei, cujo poder estava nas mãos de militares que haviam imposto uma ditadura.
Com o sonho de que haja pão, justiça, trabalho e felicidade a todos, Mariana é levada a assumir a liderança de um Sebastianismo distinto daquele que em Portugal significava a crença e o desejo de um retorno de Dom Sebastião, rei morto na batalha de Alcacerquibir. Dessa vez o movimento, também messiânico, faria retornar os ideais de Sebastian, o ex-presidente da República de Zorei assassinado, e salvar o país de um governo injusto.
Trono de Vidro, terceiro volume da trilogia Alma da África, de Antonio Olinto, publicado originalmente em 1987, é uma leitura fundamental para quem deseja conhecer e desvendar a riqueza de outras culturas. A série, que já foi traduzida para dezenove idiomas e teve mais de trinta edições fora do Brasil, inclui ainda os romances A Casa da Água e O Rei de Keto, que também estão sendo relançados pela Editora Bertrand Brasil.

Livro de Antonio Olinto

Editora: Bertrand

R$ 49,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:25 pm  Deixe um comentário  

O Rei de Keto(Alma da ÁFrica vol.2)

keto.jpg 

Após A Casa da Água, no qual criou a inesquecível protagonista Mariana, Antonio Olinto dá à luz, neste segundo volume da trilogia Alma da África, uma outra personagem forte: Abionan, a vendedora que pertence a uma das cinco famílias reais de Keto. Tendo por base o provérbio iorubá que diz que “mãe é ouro, pai é vidro”, Olinto retrata no romance O Rei de Keto uma sociedade predominantemente feminina. Nesta obra, Abionan – amiga da velha Mariana, que saiu da Bahia com a avó Ainá, a mãe e os irmãos com destino a Lagos – pensa constantemente no filho que poderia ter sido Alaketo, rei de Keto, caso não houvesse morrido tão pequeno.
O Rei de Keto, segundo volume da trilogia Alma da África, de Antonio Olinto, publicado originalmente em 1980, é uma leitura fundamental para quem deseja conhecer e desvendar a riqueza de outras culturas. A série, que já foi traduzida para dezenove idiomas e teve mais de trinta edições fora do Brasil, inclui ainda os romances A Casa da Água e Trono de Vidro, que também estão sendo relançados pela Editora Bertrand Brasil.

Livro de Antonio Olinto

Editora: Bertrand

R$ 49,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:23 pm  Deixe um comentário  

Do Quilombo à favela

quilombo-a-favela.jpg

Já se tornou um lugar-comum: as favelas não param de crescer e as grandes cidades estão cada vez mais violentas. Como isso começou? Andrelino Campos, que superou as dificuldades de uma infância humilde para se tornar doutor em Geografia, mostra que essa tal “violência” tem origem na estrutura fundiária estabelecida desde o período imperial. Do tráfico de escravos ao tráfico de drogas e dos navios negreiros aos camburões, Do Quilombo à Favela: A Produção do “Espaço Criminalizado” no Rio de Janeiro traça um profundo e esclarecedor estudo sobre o longo processo – pontuado por descaso, preconceito e interesses políticos – que culminou na situação atual dos principais centros urbanos brasileiros. Ao mesmo tempo, Andrelino aponta caminhos para um futuro mais justo e pacífico.

Livro de Adrelino Campos

Editora: Bertrand

R$ 29,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:17 pm  Deixe um comentário  

Jóias de Axé

joias.jpg 

Jóias de Axé – Fios de contas e outros adornos de corpo. A joalheria Afro-brasileira é um trabalho pioneiro do antropólogo Raul Lody, que reúne uma vasta documentação sobre joalheria étnica afro-brasileira em âmbito religioso. São estudos cromáticos de dezenas de variações simbólicas estéticas que estão no cotidiano do brasileiro e na composição de indumentárias rituais religiosas.
As imagens do livro mostram diferentes tipos de fios de contas em diversos materiais, além de jóias de crioula do séc. XIX.
Jóias de Axé – Fios de contas e outros adornos de corpo. A joalheria Afro-brasileira enfatiza o que há de mais importante em joalheria ritual do candomblé baiano, do mina do Maranhão e do xangô pernambucano, além do estudo de toda a coleção de fios de contas, datada do séc.XIX, do Museu Nacional da Quinta da Boavista.
É crescente o interesse nacional e internacional por roupas e acesssórios étnicos onde se inclui a joalheria, buscando assim a afirmação de identidade de povos, culturas e nações.

Livro de Raul Lody

Editora: Bertrand

R$ 33,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:14 pm  Deixe um comentário  

Mitos Yorubás

mitos-yorubas.jpg 

Mitos Yorubás é mais uma obra do autor consagrado pela qualidade de seus trabalhos sobre a Cultura Religiosa Afro-Brasileira (como As Águas de Oxalá, Jogo de Búzios e Órun-Àiyé: O Encontro de Dois Mundos). Em narrativas fluentes o autor apresenta lendas e mitos que justificam o Candomblé. São 34 histórias que abordam exemplos da vida, orientações éticas e disputas de poder, tendo como personagens os próprios Orixás.

Livro de José Beniste

Editora: Bertrand

R$ 39,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:11 pm  Deixe um comentário  

As águas de Oxalá

aguas.jpg 

As Águas de Oxalá é um trabalho inédito na literatura afro-brasileira. No livro, Beniste detalha minuciosamente toda a dinâmica de um dos mais belos e longos rituais do candomblé, em que o branco domina integralmente os segmentos do terreiro, por ser a cor da pureza ética que simboliza o grande orixá Oxalá.
O conteúdo histórico da obra retrata a organização do ritual praticado pela ancestralidade afro-descendente aqui radicada: os primeiros momentos, os quais se utilizam do modelo prático do mito que ilustra a narrativa, são seguidos por uma seqüência de 17 dias, a mais longa da religiosidade afro-brasileira, tendo todos os seus cânticos e rezas entoados com as devidas explicações pelo autor. Todo o cerimonial das Águas de Oxalá está integralmente descrito neste livro, de forma clara, com pormenores que enriquecem o conhecimento de iniciados e pesquisadores do assunto.
Os ritos de iniciação não poderiam também ficar de fora neste conjunto de análise, pois são determinantes para uma participação intensa nos ritos. Sem dúvida, As Águas de Oxalá deve ser lido e estudado com o intuito de que o Candomblé se torne cada dia mais uma religião de significados inteligíveis e autenticamente brasileira.

Livro de José Beniste

Editora: Bertrand

R$ 39,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:07 pm  Deixe um comentário  

O negro no museu brasileiro

museu.jpg 

O Negro no Museu Brasileiro: Construindo Identidades é um trabalho que, pela primeira vez em livro, reúne importantes documentos para o entendimento de nossa história social afrodescendente através de suas representações materiais. Raul Lody, antropólogo e museólogo com centenas de obras publicadas em mais de três décadas de trabalho dedicado à cultura negra, constrói seu estudo sobre uma longa e minuciosa pesquisa em museus, institutos históricos e geográficos, acervos particulares, feiras e mercados populares, memoriais de terreiros de candomblé e árvores monumentais – entre outras manifestações que fazem os patrimônios culturais de povos e civilizações africanos no território brasileiro.

Livro de Raul Lody

Editora:Bertrand

R$45,00

Published in: on agosto 27, 2007 at 6:04 pm  Deixe um comentário  

Contatos e ressonâncias: literaturas africanas de língua portuguesa

ima_dsc_grand20041203170033.jpg 

Esta coletânea reúne informações e reflexões originais sobre temas literários africanos. Dado o seu caráter de obra crítica aberta, oferece ao leitor a liberdade de escolha dos artigos em função de seus interesses.

Livro de Ângela Vaz Leão

Editora: PUCMINAS

R$30,00

Published in: on agosto 16, 2007 at 10:31 pm  Deixe um comentário  
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 38 outros seguidores