Iemanjá: a mãe africana do Brasil

2059.jpg 

Para falar de Iemanjá, nada melhor que um pesquisador-sarcedote ou um sarcedote-pesquisador como Armando Vallado, capaz de organizar com propriedade este universo simbólico. Vallado concentrou-se em cinco temáticas-chave envolvendo este orixá: inicialmente, buscou suas origens místicas na diáspora africana para o Brasil e sua variação nas diversas religiões criadas em solo brasileiro; focalizou os ritos de iniciação, seus seguidores e comportamentos nos terreiros de candomblé queto; mergulhou no candomblé, para traçar um perfil dos filhos de Iemanjá, e dos símbolos que neles transparecem; observou as festas públicas de Iemanjá, e, fechando sua análise, pesquisou como não-iniciados e iniciados assimilam este orixá na cultura popular laica e nas religiões afro-brasileiras respectivamente. Em verdade, é um estudo inédito e profundo sobre um símbolo mais que religiosos, capaz de sintetizar elementos da vida e da cultura de um povo que tem na imagem feminina a mistura de sensualidade e maternidade.

Livro de Armando Vallado

Editora Pallas

R$ 44,00
 

Anúncios
Published in: on julho 24, 2007 at 7:58 pm  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://kitabulivraria.wordpress.com/2007/07/24/iemanja-a-mae-africana-do-brasil/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: