Inabalável


2033.jpg
Nascida de pais camponeses numa aldeia quicuia do interior do Quênia em 1940, Wangari faz em sua vida pessoal um percurso semelhante ao do próprio continente, que entrou na modernidade pelas mãos do europeu, mas optou por seguir um caminho genuinamente seu. Apesar disso, sua abertura ao mundo e às idéias livrou-a de ressentimentos chauvinistas que muitos de sua geração abrigaram contra os antigos colonizadores. Sem perder de vista a dicotomia dominador-dominado, ela generosamente consegue enxergar o que de bom ficou do legado colonial.

Bióloga ligada ao movimento ambientalista e atualmente ministra assistente do Meio Ambiente do Quênia, ela mostra em sua autobiografia que também tem outras qualidades além de sua ferrenha determinação pela preservação do planeta. Boa contadora de histórias, Wangari conduz com facilidade o leitor por uma África em transição desde sua infância, numa era ainda colonial, até o limiar do novo milênio no qual globalização é a palavra de ordem. De uma sociedade tribal dominada pela oralidade a um país em busca de sua identidade moderna, sem esquecer as tradições do passado.

Livro de Wangari Maathai

Editora Nova Fronteira

R$ 49,90

Anúncios
Published in: on janeiro 30, 2008 at 9:44 pm  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://kitabulivraria.wordpress.com/2008/01/30/inabalavel/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: