POEMAS ANTOLOGICOS

O canto poético de Solano Trindade é, sobretudo, uma arte de resistência. Participante ativo da cultura negra do Brasil, entusiasta do maracatu, e seguidor das raízes africanas, Solano deixou marcas na história cultural do país. Sua luta apararece sob diferentes formas: nos poemas que denunciaram a escravidão; na exaltação da cultura enraizada na África e que por aqui, às vezes, é ignorada; a insistência em declamar amor como um princípio de liberdade… Considerado nosso “poeta negro”, foi exemplo de força – sua obra clama por justiça. A história de Solano em defesa da cultura negra confirma esta súplica. Traz à tona a discussão sobre igualdade e liberdade em poemas repletos de musicalidade.

Livro de Zenir Campos Reis(org.)

Editora: Nova Alexandria

R$ 35,00

Anúncios
Published in: on agosto 13, 2008 at 11:48 pm  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://kitabulivraria.wordpress.com/2008/08/13/poemas-antologicos/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: