CAETANA DIZ NÃO: Histórias de mulheres da sociedade escravista brasileira

Caetana é uma jovem escrava doméstica de uma fazenda de café do Vale do Paraíba, cujo proprietário decide que ela deve se casar com outro escravo. O casamento é realizado, mas Caetana se recusa a “deitar-se” com o marido. E a recusa é tão obstinada que seu dono resolve pedir a anulação do casamento não-consumado ao tribunal eclesiástico, dando início a um longo processo.
Na segunda história, a senhora solteira Inácia Delfina, da ilustre família dos Sousa Werneck, deixa em testamento parte de seus bens – inclusive escravos – para uma família de ex-escravos de sua propriedade. Porém, graças à astúcia do testamenteiro, eles acabam herdando não terras, mas dívidas.
A partir do processo de Caetana e do testamento de Inácia, Sandra Graham realiza um impressionante trabalho detetivesco de investigação do passado, juntando cacos dispersos e reconstruindo os cenários, laços familiares, relações de gênero, traços culturais e vínculos econômicos que compõem um retrato da região de economia mais pujante do Brasil em meados do século XIX. Como diz a autora, seu livro pretende “recuperar os atos e as vozes das ‘pessoas perdidas'”.

Livro de

Editora: Cia das Letras

R$ 55,50

Anúncios
Published in: on agosto 24, 2008 at 10:28 pm  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://kitabulivraria.wordpress.com/2008/08/24/caetana-diz-nao-historias-de-mulheres-da-sociedade-escravista-brasileira/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: